Flores – Como Cultivar Flores em Pequenas Propriedades Familiares Para a Revenda

Publicidade:

Desde a década de 1970, o cultivo de flores no Brasil passou a ser realizado em larga escala – graças ao auxílio das novas tecnologias que foram sendo implementadas no setor. O comércio de flores, desde então, não parou de crescer e hoje há uma necessidade mercadológica de abastecimento anual.

O setor de floricultura somente no país movimenta mais de $1.200 milhões de dólares, e a grande responsável por parte destes números é justamente a região de Holambra, reconhecida mundialmente por sua produção florífera. Em dados reais, o mercado cresceu somente em 2013 mais de 20% em reação ao ano anterior.

Hoje já são mais de 17 mil pontos físicos de revenda de flores, sem contar o comércio que é feito por meio eletrônico.

Isto mostra que o plantio e o cultivo de flores é lucrativo, contrariando a tese de que se trata de um negócio arriscado devido à delicadeza da planta. Flores não são duráveis, mas estão presentes na cultura do homem desde a época mais remota.

Publicidade:

Entretanto, o que hoje apresenta alta logística, um dia já foi apenas uma produção que passava de pai para filho, além de ter sido realizada de modo bastante artesanal. O cultivo das flores era realizado em propriedades rurais familiares de pequeno porte. Estes agricultores para manterem seus negócios tiveram de não apenas se adaptarem às novas realidades de produção, mas também investir em conhecimento, incluindo o de mercado para poderem continuar na concorrência.

A produção de flores teve seu início marcado pela vinda dos imigrantes vindos da Europa, fugidos da II Guerra Mundial, embora já houvesse muitos imigrantes aqui, desde o fim do século XVIIII. Como a maioria deles eram agricultores em suas terras natais, aqui eles se instalaram em cidades do interior e passaram a cultivar a terra, com diferentes plantios. Duas localidades foram as mais povoadas por eles: a região sul e sudeste. A escolha foi feita em especial por conta do clima das regiões, o qual mais se aproximava com o da terra de origem.

Em São Paulo, por exemplo, muito imigrantes deram início ao cultivo de flores na região de Holambra, que atualmente é a responsável por mais de 80% da produção e exportação de flores para o mundo.

24. fevereiro 2014 por Steve Antonio Gomes
Categoria: Flores, Plantas | Tags: , , , |