Aprenda a Cultivar as Lindas e Românticas Rosas Vermelhas

Publicidade:

Cultivada desde a antiguidade, as rosas são plantas oriundas da família rosaceae, com mais de 100 espécies no mundo inteiro – e milhares de outras tantas variedades, híbridos e cultivares. Segundo os especialistas, a primeira rosa teria crescido a mais de 5000 mil anos em jardins asiáticos. Mas também há registros encontrados em fósseis de que a planta já pudesse existir há 35 milhões de anos.

As flores são arbustos e trepadeiras e na maioria das vezes, são também solitárias. As folhas das rosas costumam ser simples, com 5 ou 7 pétalas em cada núcleo de lóbulos e bordas dentadas, muito estames. Possuem frutos que, em sua maioria, são vermelhos, e algumas raras vezes também podem ser comestíveis.

As rosas são cultivadas numa variedade imensa de formas bem distintas e demandam de poucos cuidados. Também sofreram pouca transformação em suas características nos cruzamentos que foram largamente realizados ao longo dos séculos. São altamente aromáticas e as mais apreciadas são as rosas vermelhas.

E para quem deseja cultivar rosas vermelhas alguns cuidados deverão ser tomados para que elas cresçam lindas, fortes e saudáveis. Para conseguir rosas vermelhas com cores bem vivas é importante observar primeiramente o solo onde elas serão plantadas. Este não poderá ser muito úmido, deve ser leve e bem fértil. Também é fundamental que as mudas a serem plantadas tenham boa procedência. Isto garantirá o perfume tão característico a este tipo de rosa, bem como a sua coloração para lá de vibrante.

Publicidade:

As mudas devem ser acomodadas em covas de 30 centímetros de profundidade. O preenchimento da terra deverá ser feito aos pouco e que não cubra totalmente a junção entre o galho e a raiz. A rega deverá acontecer diariamente, e de preferência sempre no período da manhã. Às primeiras mudas que saírem é recomendável que se aplique um pouco de fungicida, para evitar fungos que não deixem a planta se desenvolver. Ele poderá ser comprado em casas especializadas no comércio de produtos para jardinagem.

O canteiro também deverá ser preparado ao menos 8 horas antes do início do plantio.

Se a opção for plantar em vasos, estes deverão ser proporcionais ao tamanho da roseira. Cuidado com o período de podas, que deverá ser entre junho, julho ou agosto. Sempre deixe  de quatro a cinco gemas na haste robustiva. Assim, a roseira vermelha ganhará cada vez mais botões durante o floreiro.

19. fevereiro 2014 por Steve Antonio Gomes
Categoria: Flores, Jardim | Tags: , , , , |